05/12/2013

A garota que eu quero de Markus Zusak
























Há pouco tempo descobri através de uma leitora daqui do blog que este é o último livro da trilogia dos irmãos Wolfe. Bem... a minha impressão da história era que Cameron, o protagonista do livro, era um menino de rua que tinha fome. Um cara que cansou de não ser percebido e resolveu lutar. Só que a história que eu tinha bolado na minha cabeça é totalmente diferente da história que o livro trás.

Cameron Wolfe é o caçula de três irmãos e é um garoto bem solitário. Vive perambulando ruas afora e é considerado uma pessoa bem esquisita. Ah, e ele também não tem amigos, coisa que dificulta ainda mais a sua vida social. Steve, o irmão mais velho dele é um jogador de futebol, tem seu próprio apartamento e vive dando uma força moral para Cam. Rube, o irmão do meio, é totalmente diferente: tem um corpo pra lá de maneiro, um cabelo liso que fica perfeitamente lindo sob o seu rosto de nãoseioque. Ele também é super pegador a aparece com uma namorada nova a cada semana.

Cameron é o que dígamos de pessoa rebelde, o que posso dizer que me irritou bastante. Ele não chama a sua mãe de mãe; ele a chama de Sra. Wolfe. E ele raramente chama seu pai de pai. Isso me incomodou acho que porque eu sou acostumada a livros de romance, que é mamãe ali e papai ali. Mas poxa, acho que o essencial mesmo é uma família unida, que acima de tudo se ama, né? E é esse o problema: nós não vemos isso durante o livro inteiro.

É um livro interessante, mas não passa nada além disso. A leitura fica um pouco entendiante, e não tem nenhuma ação. Quer dizer, no momento que a gente acha que vai ter uns pulos á mais no coração, logo descobrimos o que vem á seguir. Cameron tem uma personalidade forte, é uma pessoa boa, mas... tem lá seus defeitos.

Relativamente, é um livro meia boca. Mas para quem quer conhecer a escrita do autor e, á partir dela, julgar se deve ou não deve ler outros títulos, pode sim ter suas dúvidas. E gente, todo mundo diz que A menina que roubava livros é um livro maravilhoso! Se um livro do autor é mais ou menos, não quer dizer que as demais obras dele sigam o mesmo padrão.

Editora: Intrínseca
Páginas: 174
ISBN: 9788580573732

10 comentários:

  1. Livro curtinho , mas a historia e ótimo , adorei a resenha.

    Blog lindo o seu .

    Venha me visitar http://blognao-permito.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. O livro parece ser suuuuper rápido, pelo número de páginas, e deve ser sensacional! Amei conhecer sobre ele! Ótimo post!
    Bisous,
    www.pequenomuffin.com

    ResponderExcluir
  3. Do autor, o único livro que me interessei foi A Menina Que Roubava Livros. Sempre falaram muito bem dele e me identifiquei muito com o título -apesar de ser um pouquinho diferente da sinopse e do pensava que era, hue-. Já AGQEQ não é o tipo de livro que eu também me interesse, continuo preferindo meu romancezinho <3 hahahaha

    O World Cutest está em clima de festa. Venha comemorar conosco!
    World Cutest | Twitter do blog | Twitter pessoal

    ResponderExcluir
  4. Gostei da resenha! O livro parece bom, e realmente, não é porque um livro saiu maravilhoso, que os outros vão ser todos iguais, até porque se não tiver nenhuma diferença, fica chato só de ler e ser aquela mesma história, o autor tem que arriscar sempre.

    Bitocas!
    www.likeparadise.com.br

    ResponderExcluir
  5. Adorei sua resenha, ele parece ser ótimo.
    Beijos | do-seu-jeito.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Amei sua resenha ! Sempre tive curiosidade de ler esse livro, mas sempre acabo adquirindo outros... Nunca li nada desse autor, mas sua resenha aumentou minha vontade de ler..
    Estou seguindo seu blog <3
    Beijos
    Fala sério

    ResponderExcluir
  7. Parece ser muito bom! Fiquei curiosa por causa da sua resenha, hehe :3
    Ótima resenha :]

    Beijos, fique com Deus e sucesso!
    Batom De Framboesa

    ResponderExcluir
  8. Enquanto o protagonista quer uma garota, eu quero ler esse livro (entendeu o trocadilho? Certo, não teve a menor graça, auhsuahsh'). Porque, mesmo com os aspectos negativos que você citou, como o fato de Cameron ser rebelde e ter uma relação ruim até mesmo com a própria família, acho que me deu uma senhora vontade de saber o final da história...

    Beijos ♥ Jeito Único

    ResponderExcluir
  9. Nao fiquei com vontade de ler, gosto dos romanticozinhos tambem hahaha
    Beijinhos,

    BLOG
    FAN PAGE

    ResponderExcluir
  10. O Livro parece bom, fiquei com vontade de ler rs
    http://whateverbabysz.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

« »
© Leve como a brisa - 2017. Todos os direitos reservados. Design e conteúdo por Natália Pacheco. Tecnologia do Blogger. imagem-logo imagem-logo imagem-logo